6 dicas para empreendedores iniciantes

Homem com a mão no queixo fazendo cara de dúvida

Quem deseja começar a empreender costuma enfrentar dúvidas e dificuldades, sem saber ao certo como agir. Em situações assim, há uma grande possibilidade de prejuízo.

Mas, existem dicas para empreendedores iniciantes que ajudam a reduzir o risco de perda de dinheiro e aumentam a possibilidade de ter sucesso nas ações.

Aqui, indicamos quais são essas dicas! Acompanhe e aproveite para adotá-las em sua empresa!

 

6 dicas importantes para empreendedores iniciantes

Adotar medidas específicas facilita o trabalho do empreendedor, além de aumentar a chance de sucesso do negócio. A seguir, listamos 6 dicas e medidas importantes. Confira quais são:

 

  1. Tenha um plano de negócios

O plano de negócios é um documento que descreve objetivos da empresa e o que será feito para atingi-los. Ele funciona como um guia, possibilitando que o empreendedor saiba exatamente o que fazer para alcançar resultados.

Além de orientar o empreendedor, o plano de negócios também é um aliado na obtenção de linhas de crédito, como empréstimos e financiamentos, aumentando a chance de conquistá-los porque dá mais segurança à empresa credora.

Por isso, não abra mão de ter um plano de negócios, que servirá de suporte para o empreendedor, além de lhe dar uma visão mais ampla sobre a área em que atua.

Caso tenha dificuldade em elaborar um, dá para contratar uma consultoria especializada ou ter suporte do Sebrae, criando um plano de negócios adequado.

 

  1. Separe finanças pessoais das empresariais

Um erro muito comum de empreendedores iniciantes é não separar finanças pessoais das finanças empresariais. Em situações assim, há um grande risco de endividamento e de comprometimento da saúde financeira da empresa.

É muito importante que o empreendedor saiba exatamente tudo o que entra e sai do caixa da empresa, tendo um controle maior sobre as finanças, de modo a saber como o dinheiro é utilizado.

Então, crie um “salário de dono”, ou seja, um valor mensal que será separado para o empreendedor como uma remuneração mensal. Dessa forma, evita-se de usar o dinheiro da empresa para gastos pessoais.

Caso esse salário não seja suficiente, faça um novo cálculo de quanto seria ideal, considerando os gastos do empreendedor e da empresa, sem deixá-la no vermelho.

 

  1. Busque conhecimento

Outro erro comum de empreendedores iniciantes é pensar que basta abrir a empresa e gerenciá-la sem conhecimento específico. Ao adotar essa postura, a possibilidade de prejuízo é alta.

Para evitar esse problema, o empreendedor de buscar conhecimento continuamente, seja sobre gestão, área de atuação da empresa, produtos e serviços oferecidos, entre outros.

Essa busca de conhecimento possibilitará que o empreendedor faça uma gestão mais adequada, com técnicas modernas e consiga identificar oportunidades de melhoria e de negócios facilmente.

Além disso, o empreendedor se capacitará e poderá ter uma gestão com menor chance de erro e maior produtividade, contribuindo para o sucesso da empresa.

Há diferentes formas de buscar esse conhecimento, seja por meio de cursos, leitura de livros, assistir a documentários, contratar consultorias especializadas, realizar networking, entre outras.

 

  1. Saiba estruturar, treinar e motivar a equipe

Todo empreendedor deve saber estruturar, treinar e motivar sua equipe, para ter sucesso na gestão do negócio. O problema é que nem sempre se tem conhecimento específico nessas atividades.

De maneira resumida, a equipe da empresa precisa de colaboradores capacitados para realizar as atividades do dia a dia, ou seja, todos devem ter as habilidades essenciais para os cargos que ocuparão.

A empresa deve oferecer treinamento para os colaboradores, para garantir o uso de ferramentas e um padrão na realização de atividades, bem como que conheçam bem o negócio, seus produtos e/ou serviços.

O empreendedor também deve saber motivar sua equipe, o que é feito de diferentes formas, como uma remuneração atrativa, investimento na capacitação profissional, garantia de um bom ambiente de trabalho e estímulo constante para um desempenho melhor.

Dessa maneira, todos os colaboradores trabalharão para garantir o crescimento e sucesso da empresa, realizando atividades com maior qualidade e retrabalho reduzido.

 

  1. Divulgue a empresa

A divulgação é essencial para atrair clientes para a empresa, viabilizando seu crescimento. Por isso, separe uma parte do orçamento para estratégias de comunicação e divulgação.

Também invista no marketing da empresa, com realização de ações para captar potenciais clientes, podendo trabalhá-los melhor até fechar uma venda ou contratação de serviço.

Caso o orçamento esteja apertado para investir em marketing, considere realizar ações digitais, que têm preços mais acessíveis e entregam bons resultados, principalmente em médio e longo prazos.

 

  1. Invista em uma franquia

A franquia é uma alternativa para quem quer empreender, mas não tem conhecimento algum nesse tipo de atividade. Ao abrir uma, o empreendedor passa a seguir um modelo de negócio exitoso, o que lhe garante maior chance de sucesso.

Uma das alternativas é empreender em self storage, que é um segmento em pleno crescimento no Brasil. Quer saber como começar uma franquia de self storage? Então, contate a Guarde Mais, que é referência na área!